sábado, 26 de março de 2016

Os dias de hoje e as redes sociais


Este post vai fugir um pouco à regra do que têm sido os últimos ou dos que são mai frequentes neste blog. Podem entendê-lo como um desabafo ou simplesmente como um comentário do que são os dias de hoje.

A verdade é que na atualidade nós não passamos um único dia sem ouvir falar em redes sociais, desde o facebook ao whatsapp ou até ao youtube. Eu própria não passo um único dia sem usar uma delas. A verdade é que a que uso mais é mesmo o facebook, no entanto, também uso imenso o snapchat ou o instagram.

Hoje em dia as pessoas não conseguem passar um tempinho sem aceder a uma rede social, tornou-se completamente um vício ou mesmo uma dependência. Será que vai ser uma futura praga? Será que as pessoas não irão deixar de as usar? É uma constante dúvida que tenho.
As pessoas já não sabem convivem e estar num grupo de amigos sem partilhar uma fotografia no instagram ou sem tirar um snap e mostrar a todas as pessoas o que estão a fazer ou onde estão. Isto levou a um problema, pelo menos no meu ponto de vista, deixamos de ter qualquer tipo de privacidade. Deixamos de poder estar num grupo de amigos sem que todas as pessoas saibam onde estamos ou o que andamos a fazer. Não acham isto um pouco insólito e um pouco mau no que respeita à nossa "intimidade"?

Deparei-me a pensar nisto ontem e desde então que tenho pensado bastante nisto e acreditem que eu uso quase todas as redes sociais que se encontram no desenho acima. Além do mais, não consigo também passar um dia sem usar uma delas pelo menos. Porém, sinto que já não é a mesma coisa a socialização. Este processo alterou-se bastante. Agora socializar não é estar numa mesa em redor dos nossos amigos a partilhar gargalhadas, mas sim fazermos coisas para nos podermos gabar, para que os outros possam ver e ter inveja do que andamos a fazer. Não acham que isto se tornou estranho? Não se tornou um processo de gabarolice e não de convivência?

Pensei bem nisto e partilhem comigo o que pensam. 

Fifoquem muito :)