domingo, 7 de fevereiro de 2016

Um ataque neurótico

Boa noite fifoqueiros!

Hoje, ao contrário dos outros dias, posto mais cedo ou mais tarde. Depende um pouco do ponto de vista. Não é mesmo?

Passei o dia com um mau humor terrível. Primeiro com problemas do que vestir, sem saber bem para que lado me havia de virar para o guarda-roupa. Depois porque passei a manhã sozinha e sem grandes planos para o meu dia e isso ainda me deixou mais neurótica e rabujas. Serei a única pessoa a ter dias  assim? Para mal dos meus pecados espero mesmo que não. Não que deseje mal aos outros, mas para não me sentir a única maluca e tonta à face da terra.
Depois com a neura porque não dava nada que me agradasse na televisão, nenhuma música de jeito no rádio, nada no computador me dava vontade nem me chamava à atenção para o ligar. Sabem o que acabei por fazer? Ver dos piores programas da televisão, se calhar não dos piores mas já da minha pré-adolescência. Vocês devem conhecer e lembrar-se - o Inspetor Max.

Desculpem o meu estado tonto de hoje e sem vontade de escrever grandes coisas. Mas de uma forma mais rabugenta até estava inspirada.