sábado, 22 de agosto de 2015

Nutella, nutellíssima e nutellices

Oi oi fifoqueiros :)
Quem daí gosta de nutella? Eu sou uma viciada. Adoro tudo o que tenha chocolate e nutella não é exceção. Fica bem com quase tudo. Sabe tão bem. Fica bem nos crepes, nas torradas, em french toast (espécie de fatias douradas). Em que mais fica esta delícia?


Peço desculpa a falta de qualidade da primeira foto mas é para perceberem mesmo bem onde eu faço a massa dos meus crepes. É isso mesmo! Uso a minha liquidificadora, mais exatamente a da minha mãe. Esta máquina é tão versátil! Dá para fazer de tudo lá e é super resistente e tem uma coisa que adoro: as ventosas que se agarram à bancada e fazem com que ela não ande de um lado para o outro. Querem saber qual é a que me estou a referir? É da Ufesa. 
Se gostarem de fazer sumos ou passar mesmo bem a sopa, esta é a vossa solução. Acreditem! Vale a pena o investimento. Esta foi a minha prenda para a minha mãe. Ela adora fazer sumos e bebe-os todos os dias, não poderia dar-lhe outra coisa.
Adiante! Quanto aos crepes levaram:

  • 1 ovo;
  • 1 chávena de farinha;
  • 1 chávena de leite;
  • 1 colher de sopa de açúcar;
  • 1 colher de sopa de óleo (eu costumo pôr manteiga)
Pus tudo na liquidificadora e voilá. Estava prontinha a massa e estava desejosa de ir para a frigideira e, passado um pouquinho para a minha boca ;)
Pus um pouco de óleo na frigideira, deixei aquecer bem e tirei o excesso com um guardanapo. De seguida, com o crepe ainda na frigideira juntei nutella (ponham a qualidade que quiserem) e deixem a nutella derreter. A isto chama-se uma tripa.

A quem é que apetecia um crepezinho? Eu gosto sempre disto para uma ceia ou simplesmente para um lanche.

Beijinhos e partilhem comigo as vossas preferências de crepes.